sexta-feira, 22 de abril de 2011

A China não se ajoelhará

"Nunca mais nosso povo será humilhado e ofendido. Que os reacionários tremam diante de nós, o povo chinês finalmente está de pé. O vento que sopra do Oriente é vermelho!"

Mao Tsé Tung, discurso de fundação da República Popular, 1 de outubro de 1949

"No cumprimento do nosso programa de modernização, devemos partir da realidade chinesa. Tanto na revolução e na construção também devemos aprender com países estrangeiros eextrair de sua experiência, mas a aplicação mecânica das experiências estrangeiras e a cópia de modelos estrangeiros não nos levará a lugar nenhum. Tivemos muitas lições a este respeito.Devemos integrar a verdade universal do marxismo com as realidades concretas da China, fazer o nosso próprio caminho e construir um socialismo com características chinesas esta é a conclusão básica a que chegamos depois de rever nossa longa história.

Os assuntos da China deverão ser abordados de acordo com as condições específicas da China e pelo próprio povo chinês. Independência e auto-confiança sempre foi e sempre será sua posição básica. Enquanto os chineses valorizam a sua amizade e cooperação com outros países e outros povos, eles valorizam ainda mais a sua independência duramente conquistada e seus direitos soberanos. Nenhum país estrangeiro deve esperar que a China seja seu vassalo ou que aceite qualquer coisa que seja prejudicial aos interesses da própria China."

Deng Xiaoping, trecho do discurso de abertura do 12º Congresso do Partido Comunista da China, 1 de Setembro de 1982

Nenhum comentário:

Postar um comentário